Dungeon Master Guide 2

Publicado por

E continuam os Excerpts da Wizards sobre o Dungeon Master Guide 2 que será lançado agora em Setembro, e a cada novo excerpt eu fico mais seguro que o livro contribuirá e muito com os narradores, se tornando, acredito, um livro indispensável.

No dia 21 de agosto o artigo tratou sobre os Companheiros dos Personagens, aquelas pessoas/criaturas que os personagens encontram em algum momento particular da aventura e que por uma razão ou outra acabam acompanhando o personagem, como um urso que, curado por um druida acaba seguindo-o, um cavaleiro que jura seguir o paladino que o resgatou por um ano e um dia e por aí vai.

excerpts_dmg2_0824
Vários elementos tornam um encontro interessante. Uma boa imagem de um goliath.

É claro que ser responsável por um segundo personagem não é uma tarefa fácil, muitos jogadores na minha mesa não gostam dessa idéia e sentem-se pressionados quando isso acontece. Além disso, os jogadores que controlam dois ou mais personagens, podem fazer com os outros se sintam frustrados, podendo gerar também um desequilíbrio de forças.

O livro então trabalha a criação desses companheiros e o artigo disponibiliza as formas de transformar um monstro em companheiro.

As regras são interessantes por trazer mais uma opção para a mesa de jogo e manter o equilíbrio e a diversão, premissas do Dungeons & Dragons 4ª Edição.

No dia 24 de agosto, mais um excerpt, desta vez falando sobre os Encontros Avançados – isso muito me interessa.

Na terceira edição, o formato dos encontros deixa de ser estático e passa a ser dinâmico, com a introdução inteligente de inúmeros elementos, como combate, armadilhas, terreno difícil e muito mais num encontro só.

Os combates, no entanto, devem ser bem estruturados. O Capítulo 2 do DMG2 cobrirá os seguintes tópicos:

  • Encontro como história: os combates têm que fazer sentido e essa parte do capítulo trata justamente disso;
  • Motivações dos jogadores: os jogadores têm suas motivações e como essas motivações implicam no combate?
  • Grupos maiores e menores: como desenvolver encontros para grupos maiores ou menores;
  • Encontros e atrito: desenvolvendo o ritmo do encontro e como tirar os personagens da ação para um descanso prolongado;
  • Criando movimento: como evitar encontros estáticos;
  • Terreno: como adicionar terrenos únicos que tenham poderes de ataque para tornar os encontros realmente únicos;
  • Desenvolvendo armadilhas: como criar armadilhas, com vários exemplos;
  • Colocando tudo junto: um bom encontro combina todos esses elementos em um encontro dinâmico.

Essa é a essência da quarta edição, da qual sou tão fã.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s