Uma nova aventura

Caros amigos. Após sete anos de isolamento e sacrifícios, tenho permissão para pegar pena e papiro para escrever-lhes pela primeira vez e o faço agora, não mais na qualidade de Aprendiz, mas de Mago de Primeira Ordem, o que significa que na próxima lua cheia deverei estar de volta à nossa amada cidade natal. Quando de minha partida, lembro-me bem, fizemos votos de voltarmos a nos reencontrar, restabelecer a nossa fraternidade e partir pelo mundo em busca de aventuras. Hoje, talvez, o conceito de “aventuras” possa ser diferente para cada um de nós. A vida adulta e os caminhos que escolhemos acabam por nos impor certos fardos, alguns dos quais precisam ser compartilhados e somente por confiar a minha vida à qualquer um de vocês, envio esta carta. Caso o desejo por aventuras ainda não tenha fenecido em vossos corações e o anseio por ajudar aqueles em necessidade ainda motive os Guerreiros da Luz, estejam preparados para partir na próxima lua cheia. Com muito apreço, Enkho. Quando a carta chegou, pensei imediatamente em escrever-lhe de volta, mas a carta não chegaria às mãos de Enkho. Sete anos haviam se passado e muitas coisas haviam acontecido. Alguns de nós haviam mudado, ou pelo menos, seguido outros caminhos e precisavam ser resgatados. Não me importa para onde vamos, não importa os perigos que iremos enfrentar, só preciso que me ajudem a retirar Gylas da prisão e libertá-lo da morte. “Os Guerreiros da […]

Leia Mais →

Classes conjuradoras

Saudações, operativos. Estão disponibilizadas no Players Handbook do D&D 5E, doze classes de personagem, sendo que oito delas podem conjurar magias. Neste artigo farei um registro das quantidades iniciais de magias e truques que os personagens conjuradores de D&D 5E tem acesso no primeiro nível, e assim como isso servirá para mim, espero também que sirva para outros jogadores e mestres. As classes conjuradoras – Bardo; – Clérigo; – Druida; – Paladino; – Ranger; – Feiticeiro; – Warlock; e – Mago. A maioria das classes possui cantrips e magias. As primeiras são efeitos que podem ser conjurados sem limites (at will) e não consomem slots. As magias são efeitos mais poderosos e consomem slots, sendo que algumas delas possuem efeitos que são potencializados quando conjuradas usando slots de magias de níveis mais elevados. Exemplo: A magia Cure Wounds, quando conjurada usando um slot de primeiro nível, cura 1d8 + modificador de habilidade do conjurador de dano. Se conjurada utilizando um slot de segundo nível, por exemplo, a quantidade de dano curada será 2d8 + modificador de habilidade do conjurador. As magias (não os cantrips) precisam ser preparadas com antecedência, e nesta compilação estarão explicitadas as quantidades iniciais de magias conhecidas, quantas podem ser preparadas e quantas podem ser conjuradas no primeiro nível. O Bardo Cantrips: 02 Magias conhecidas: 04 Magias preparadas: 04 Magias à conjurar:  02 O Clérigo Cantrips: 03 Magias conhecidas: todas as magias da lista de magias, do nível ao qual tiver acesso. Magias preparadas: Modificador de Sabedoria + Nível […]

Leia Mais →

Feliz 2015

Saudações leitores. Após um longo hiato, pretendo voltar e escrever, principalmente para remover um pouco da estressante carga que envolve trabalho e muito mais. Nas férias visitei meu estado natal e constatei muitas mudanças positivas: o movimento de boardgames está aumentando (duas lojas funcionando em Natal), além de mais eventos dedicados acontecendo em novos points e é claro, o bom e velho (nem tão velho assim) RPG sendo jogado. O tempo ainda é um vilão. Conseguir reunir com o grupo, fica cada vez mais difícil, principalmente quando novos velhos grupos só podem reunir-se quando todos encontram-se de férias na cidade. O desejo pelos contos rpgísticos arrefecem-se em uns, e acendem-se violentamente em outros, criando aquela sensação terrível de abstinência, causadora de calafrios e tremores incontroláveis, suavizado apenas quando, algum jogador novato ou veterano propõe-se a fazer uma ficha de personagem, o que cria uma expectativa de novas aventuras e faz os neurônios restabelecerem as devidas e corretas conexões. Inspirado por leituras fantásticas no período das férias, inúmeros jogos finalizados e alguns a caminho, espero que 2015 não seja um ano de realizações profissionais, mas principalmente pessoais, incluindo o meu retorno às mesas de RPG – o lúdico me impulsiona. Feliz 2015 a todos e vamos que vamos! Operativos em busca de aventuras.

Leia Mais →