Resenha: The Edge of Chaos

Publicado por

Gênero: Mundo Compartilhado, Espada e Magia
Capa Mole: 320 páginas
Editor: Wizards of the Coast; Edição Original
Data de Publicação: 4 de Agosto de 2009
ISBN-10: 0786951893
ISBN-13: 978-0786951895
Site do Autor: Jak Koke

The Edge of Chaos é a mais recente adição aos mitos de Forgotten Realms, no qual um ladrão com a cicatriz da praga mágica e uma devota de Kelemvor, o deus do Julgamento, devem unir forças para parar os planos da Ordem do Fogo Azul de aumentar os limites das terras da praga.

Primeiro, um pouco do histórico. Na 4ª Edição de Forgotten Realms, uma praga mágica infligiu toda Toril. Seu poder mudou as pessoas, deixando mortos, insanos ou cicatrizados mágicos. Aqueles que sobreviveram com apenas uma cicatriz receberam poderes mágicos de todos os tipos, de raios de fogo azul a poderes sobre os espíritos. A terra também mudou e o que ficou para trás foram bolsões de magia selvagem, áreas que são no mínimo caóticas e extremamente perigosas. Agora, cem anos após o fogo azul varrer a terra, existem alguns que ainda desbravam as terras da praga na esperança de receber poder através das cicatrizes mágicas.

No primeiro romance de Jak Koke no cenário de Forgotten Realms, sua história gira em torno do já mencionado ladrão Duvan e sua parceira Slanya. Embora no começo do romance eles não se conheçam, no final eles se tornam muito próximos. Ambos tiveram infâncias traumáticas (transmitida ao leitor de forma direta e indireta), perdendo membros da família em circunstância trágicas. Duvan possui uma habilidade única, uma que pode destruir os planos diabólicos da Ordem do Fogo Azul, que existe com o único propósito de aumentar a profundidade e a largura das terras assoladas pela praga mágica. Slanya, uma sacerdotisa de uma divindade que determina onde as almas irão passar a eternidade, recebe a missão de um mestre em poções chamado Gregor de coletar um ingrediente único, gramíneas raras encontradas apenas nas terras assoladas. Durvan e Slanya juntam forças para coletar as gramíneas raras, apenas para descobrir que os ingredientes fazem parte do início de uma grande batalha.

Koke é um maravilhoso escritor. A medida que eu lia a estória eu ficava me perguntando: “Jak Koke, onde você esteve escondendo esse talento todo esse tempo?” Com certeza um bestseller, Koke consegue caracterizar e desenvolver uma trama complexa sem tornar complexo o entendimento, tornando-se uma excelente adição aos Reinos. Sua estória tem um bom ritmo, tirando o pedal das cenas de ação para pequenos trechos de introspecção e histórico dos protagonistas, com um sentimento de perigo e suspense contínuos. Ele também apresenta várias perspectivas, não deixando o leitor preso em um único personagem por muito tempo. Os personagens principais possuem profundidade e é isso que dirige a trama e não os vilões, uma virada incomum dos eventos na área de ficção de fantasia que está normalmente cheia de clichês.

Eu descobri que o elemento romântico que Koke introduz na segunda metade do livro é pouco elaborado. Ele aparece abruptamente e logo após um ponto no qual eu achava que uma conexão amorosa seria quase impossível. Afinal de contas, um abandonou o outro numa situação muito perigosa. Este elemento particular da história parece um pouco forçado. Por outro lado, Koke fez um grande trabalho, até este ponto, em criar uma associação duradoura entre os dois personagens e ele transformou essa associação algo incomum, produzindo guinadas na trama menos previsíveis.

Embora eu não tenha gostado desse elemento particular da história, ele não tira o mérito do The Edge of Chaos, cheio de excitamento, entretenimento e personagens interessantes e habitantes perigosos. Eu recomendo The Edge of Chaos a todos os fãs de Forgotten Realms, assim como aqueles que querem um ponto de começo para o mundo compartilhado.

Texto original: Book Review: The Edge of Chaos by Jak Koke
Postado em: 28 de janeiro de 2010
Autor: John Ottinger III
Site: Grasping for the Wind

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s