Desafios de perícias e recompensas em XP

Publicado por

Texto original: Skill Challenges and Rewarding XP
Postado em: 25 de janeiro de 2009
Autor: Ameron
Site: Dungeon’s Master

Um aspecto dos desafios de perícias que não é mencionado são as recompensas por alcançar os objetivos. Os desafios de perícias foram projetados para representar o mesmo desafio que enfrentar monstros, gerando a expectativa de ser recompensado em experiência (XP) da mesma forma que num encontro de combate. Em muitos casos porém, a quantidade de XP ganha em um desafio de perícias não deveria ser tão crua. Existem situações nas quais dois grupos podem ganhar uma quantidade diferente de XP por completar de forma bem sucedida o mesmo desafio de perícias. Eu fiz uma revisão do sistema de recompensas dos desafios de perícias e tenho algumas sugestões para melhorá-lo.

Recompensas de acordo com o livro

De acordo com o Guia do Mestre (GdM), um desafio de perícias de complexidade 1 renderá tanto XP quanto derrotar um monstro de mesmo nível; um desafio de perícias de complexidade 2 deveria render a mesma quantidade de XP de derrotar 2 monstros do mesmo nível, e assim por diante. Quando um mestre cria um desafio de perícias às pressas, essa é uma boa forma de conceituar a importância desses desafios.

Exemplo

Personagens de nível 11, de acordo com o GdM, lutando e derrotando 1 monstro típico de mesmo nível, deveriam receber 600 XP. Sobrepujar um desafio de perícias deveria resultar nos mesmos 600 XP.

Se os personagens no exemplo engajarem uma luta com 1 monstro padrão típico (valendo 600 XP) e o monstro foge antes que os personagens possam derrotá-lo, eles ainda deveriam ganhar os 600 XP? É claro que eles deveriam. Ganhar a recompensa completa não depende de matar tudo. Eles têm apenas que derrotar o monstro. Se o monstro foge, então os personagens o derrotaram. Encontro terminado, 600 XP ganhos.

Agora vamos analizar um desafio de perícias típico de complexidade 1. Normalmente os personagens devem atingir 4 sucessos antes de 3 falhas para ganhar os 600 XP, mas se eles atingirem o objetivo antes de atingir os 4 sucessos? Eles deveriam ganhar os 600 XP?

Mike Mearls fala sobre isso em seu artigo na Dungeon #174, Ruling Skill Challenges: Stat Blocks for Roleplaying (Assnatura DDI requerida). Nele, ele discute o Quebrador de Desafios. Isto é “… todo jogador que for bem sucedido, deveria terminar o desafio imediatamente.”

Da forma como eu vejo, isso deveria ser tratato da mesma forma que você lida com monstros que fogem do combate. Os personagens fizeram sua parte e pela criatividade, sorte ou ambos, eles conseguiram alcançar o resultado final mais rapidamente do que o esperado.

No entanto, a medida que eu fui desenvolvendo mais e mais desafios de perícias em níveis altos eu me diverti lidando com essa situação de uma forma ligeiramente diferente.

Pague pelo jogo: Recompensas baseadas no esforço

Digamos que personagens de nível 11 estão participando de um desafio de perícias de complexidade 5. Eles precisam atingir 12 sucessos antes de 3 falhas. Este é um cenário difícil, a mesma coisa que lutar com 5 monstros. Eles potencialmente podem ganhar 3.000 XP (600 XP x 5), mas este XP é baseado em 12 sucessos. O que acontece se eles quebrarem o desafio e alcançarem o objetivo após 8 sucessos? Eles resolvem o problema de tal forma que não é necessário continuar fazendo novas jogadas. Eles ainda tem direito aos 3.000 XP? Se este tivesse sido apenas um desafio de perícias de complexidade 3 eles precisariam de apenas 8 sucessos e, neste caso, eles ganhariam 1.800 XP (600 x 3).

O XP deve ser baseado nos números de sucessos requeridos para sobrepujar o objetivo ou a dificuldade do objetivo em si? Se outro grupo não for tão engenhoso como o primeiro e eles precisam alcançar os 12 sucessos para alcançar o objetivo? Ninguém se questiona se eles merecem ganhar os 3.000 XP, mas só porque um grupo descobriu um atalho ou algo funcional eles devem ganhar menos XP? Isso não parece justo.

Apenas recompense

Estive pensando como lidar com essa situação e vou apresentar uma solução que tem funcionado muito bem em meus jogos. Eu nunca seleciono uma complexidade no início dos meus desafios de perícias. Eu organizo um cenário e deixo os jogadores fazerem suas jogadas. Quando eles alcançam o objetivo eu conto quantas jogadas eles precisaram para completar o desafio e recompenso de acordo.

Um grupo de nível 11 que sobrepuja o desafio de perícias após alcançar 8 sucessos eles recebem 1.800 XP que é o padrão para um desafio de perícias de complexidade 3 (8 sucessos antes de 3 falhas). Se outro grupo alcança o mesmo objetivo com 12 sucessos, eles devem ganhar mais XP, neste caso 3.000.

Com o intuito de tirar o máximo deste tipo de sistema de recompensa, eu fiz alguns ajustes. Sob certas circunstâncias eu recompenso o grupo com sucessos adicionais. Dessa forma eles ganham XP adicional se eles fizerem algo realmente marcante ou apresentarem uma idéia realmente criativa.

Abaixo, algumas poucas situações que eu conto como sucessos adicionais:

• Interpretação excepcional

• Encorajar outros a participar;

• Descobrir uma solução que eu não considerei.

• Apresentar uma idéia muito boa e então fazer a jogada.

Recompensar os personagens com sucessos adicionais faz com que eles ganhem XP adicional realmente por merecer.

Então, na situação descrita acima onde os personagens tentam sobrepujar o desafio de perícias com apenas 8 sucessos, eu concedi alguns sucessos ao longo do desafio (por criatividade e boa interpretação) fazendo com que eles tenham acumulado 11 ou 12 sucessos ao final. Eles recebem os 3.000 XP que eles ganharam merecidamente, embora eles tenham alcançado o objetivo um pouco diferente de um grupo típico.

Conclusão

Usar o sistema de recompensas revisado que eu sugeri, os personagens ficam aptos a ganhar experiência adicional através da criatividade e da boa interpretação. Um desafio de perícias de complexidade 1 pode requerer apenas 4 sucessos, mas é possível que um personagem possa ganhar alguns sucessos adicionais do mestre ao longo do caminho. Então, nesta situação eles ganham XP por um desafio de perícias de complexidade 2 (6 sucessos), mesmo que ele tenha sido designado para ser um desafio de perícias de complexidade 1 (4 sucessos). Em situações nas quais eles venham com uma Quebra de Desafio e alcancem o objetivo com poucos sucessos eles podem ganhar menos experiência do que originalmente pretendido, mas eles conseguirão mover-se mais rapidamente para outro encontro até o final da sessão.

O que você pensa? Os desafios de perícias deve
m ter dificuldades fixadas? Os personagens só devem ganhar XP baseado no número de jogadas bem sucedidas durante um desafio de perícias? O que vocês acham deste método alternativo para recompensar os personagens durante os desafios de perícias? Você usaria este sistema como mestre? O que os jogadores pensam do sistema de recompensas dos desafios de perícias? Você tem alguma sugestão para melhorar o sistema?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s